Apocalipse 1

1.Revelação de Jesus Cristo, a qual Deus lhe deu, para mostrar aos seus servos as coisas que brevemente devem acontecer; e pelo seu anjo as enviou, e as notificou a João seu servo;
2.O qual testificou da palavra de Deus, e do testemunho de Jesus Cristo, e de tudo o que tem visto.
3.Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.


Os três mantos da Igreja Brasileira!
por Dayse Mara Valadão
Profecia para a Igreja do SENHOR no Brasil - 27 de Junho de 2003 - Dayse Mara Valadão Ferreira - Igreja Batista da Lagoinha

"Sou o SENHOR que Me levanto diante de ti! O brado do Meu Espírito é: Haja paz no meio de ti! Este é o grito e o clamor do meu coração para esta Nação.

Eu, o SENHOR, os vejo como muitos grupos divididos buscando a mesma coisa. Mas, Eu, o SENHOR, vos digo: Dai vossas mãos! Ajuntai vossa força que emana de Mim e olhai para a cruz para poderdes caminhar trazendo para todas as partes desta Nação o mover da colheita, buscando com o Meu poder aqueles que estão gritando por socorro em meio às lutas e angustias sem saber como alcançar a única Rocha.

Líderes do Meu povo:

Eu Sou o SENHOR que tenho saudades de um povo único. Que busca tão somente a minha salvação e glória. Eis que o Meu coração anseia em trazer a esta pátria o livramento e libertação. O Meu socorro é o único que poderá mudar todas as coisas. Uni-vos em Mim!

À sombra da minha cruz tudo já foi feito para que o milagre aconteça. Não retardais mais o caminhar da minha "arca" - do norte ao sul, do leste ao oeste no meio desta Nação. Quero e anseio que isso se cumpra no meio desta Nação. Eu os tenho colocado como sal no meio deste povo.

Três mantos tenho para cubrir-vos, oh Igreja Minha: Manto de arrependimento, Manto de quebrantamento, Manto de santificação.

Envolvei-vos neles! Não contentai-vos com outra coisa. Este é o caminho: Olhos molhados, Joelhos prostrados, E coração rendido.

Povo Meu: Eu, o SENHOR, não os deixarei jamais! Caminho convosco! Deixai que Eu faça mais através de vós. Lanço sobre vós a fortaleza do Meu Espírito para estardes firmes em Mim.

Eu, o SENHOR, os escolhi para esta hora e vos digo: Levanto cada um de vós, ovelhas minhas, para multiplicardes no meio desta Nação. Trazendo cura e libertação, vida abundante. Ninguém vos poderá deter.

Somente o Meu mover mudará todas as coisas. Eis que Eu estou convosco. Não temais. Levanto do meio da minha Igreja a voz de homens e mulheres que tem o coração sedento de mudança.

Uni-vos e daí vossas mãos para que esta Nação Me conheça! Levanta-te Igreja Minha, veste-te de força e obediência. Erga a tua voz que vem do meu coração e grita a plenos pulmões:

Haja paz em ti, oh Brasil, Nação escolhida, fostes rejeitada pelos povos, mas Eu, o SENHOR, te escolho como Nação que levantará bem alto o Meu estandarte entre todas as Nações!"
A Revelação de Cristo 
O maior perigo no estudo de Apocalipse é ficar-se desencaminhado por assuntos de menor importância. Esta é uma revelação de Jesus Cristo (1:1): Ele é tanto o revelador da mensagem como o centro dela. Muitos, em suas explicações de Apocalipse, chamam a atenção para o diabo e fazem dele o personagem principal. Mas o papel do diabo nessa profecia serve para ressaltar a glória e a grandeza do Cordeiro, pois este derrota Satanás. Outros olham mais para a terra, mas João viu estas cenas no céu. Ele estava vendo a perspectiva espiritual, simbólica, celestial. O estudo de Apocalipse não nos deve direcionar para o jornal diário, mas para o trono de Deus. Muitos usam as visões para incentivar a especulação sobre o fim dos tempos, e assim desviam a atenção das pessoas da soberania do Senhor para a engenhosidade do especulador. Se entendemos corretamente esse livro maravilhoso, vemos Cristo.
O que você vê quando olha para Jesus? Uma criancinha numa manjedoura? Um meigo pastor? Uma figura trágica na cruz? Nenhuma dessas coisas está completamente errada, mas todas estão desatualizadas. Jesus está hoje exaltado e glorioso. Queira ler novamente os retratos de Cristo em 1:12-18; 5:1-14; 19:11-16. Feche seus olhos e tente ver o Jesus que João viu. A emocionante majestade de Jesus deve inspirar-nos, fortalecer-nos e levar-nos à adoração.
O Apocalipse significa guerra. Batalha no passado: Cristo venceu a morte, o hades e expulsou Satanás do céu (veja 1:17-18; 12:7-12). Batalha no presente: o diabo, enfurecido como um tirano derrotado, veio para a terra com grande ira porque ele sabe que seu tempo é curto. Batalha no futuro: a vitória de Jesus. Apocalipse começa com os cristãos sofrendo grande tribulação; termina com os cristãos triunfantes. Apocalipse começa com Satanás perseguindo os cristãos e termina com Satanás amarrado durante mil anos. Foi Jesus que obteve essa notável vitória.
Os mitos correntes sobre Jesus enganam. De algum modo, chegamos a ver Jesus como um avô brando, indulgente, que raramente altera sua voz acima de um sussurro e está sempre sorrindo. Apocalipse ajuda a corrigir esse retrato distorcido. E ajuda a refutar a noção popular de que o Deus do Velho Testamento era um Deus de ira, mas o Deus do Novo Testamento é um Deus de amor. Em nenhum lugar da Bíblia a ira de Deus é mostrada mais claramente do que no livro de Apocalipse (veja especialmente 14:9-11; 19:1-4, 15-21).
Apocalipse revela Jesus. Não deveria causar especulação, mas inspirar adoração, admiração e confiança.
Indicações para estudar
Reveja e anote os elementos da descrição de Jesus (especialmente capítulos 1, 5, 19); medite sobre cada ponto.
Leia de novo através do livro, anotando os vários aspectos de Deus que são mencionados. Faça algumas anotações de tudo que você entenderia sobre ele, caso esse livro fosse o único na Bíblia.
- por Gary Fisher

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©2011 Karl Hennecke, USA

Canção do Apocalipse

 

Canção do Apocalipse - PLAYBACK Diante do Trono 13

 Digno é o Cordeiro que foi morto
Santo, Santo Ele é
Um novo cântico ao que se assenta
Sobre o trono do céu

Santo, Santo, Santo
Deus Todo Poderoso
Que era e é e há de vim
Com a criação eu canto
Louvores ao Rei dos reis
És tudo para mim
E eu Te adorarei

Está vestido do arco-íris
Sons de trovão, luzes e relâmpagos
Louvores, honra e glória
Força e poder pra sempre
Ao único Rei eternamente

Santo, Santo, Santo
Deus Todo Poderoso
Que era e é e há de vim
Com a criação eu canto
Louvores ao Rei dos reis
És tudo para mim
E eu Te adorarei

Maravilhado, estasiado
Eu fico ao ouvir Teu nome
Jesus, Teu nome é força
É fôlego de vida
Misteriosa Água Viva

Santo, Santo, Santo
Deus Todo Poderoso
Que era e é e há de vim
Com a criação eu canto
Louvores ao Rei dos reis
És tudo para mim
E eu Te adorarei

 Apocalipse 22

1.E mostrou-me o rio puro da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro.
2.No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações.
3.E ali nunca mais haverá maldição contra alguém; e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão.
4.E verão o seu rosto, e nas suas testas estará o seu nome.
5.E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os ilumina; e reinarão para todo o sempre.
6.E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras; e o Senhor, o Deus dos santos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve hão de acontecer.
7.Eis que presto venho: Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro.
8.E eu, João, sou aquele que vi e ouvi estas coisas. E, havendo-as ouvido e visto, prostrei-me aos pés do anjo que mas mostrava para o adorar.
9.E disse-me: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo teu e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus.
10.E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo.
11.Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda.
12.E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra.
13.Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim, o primeiro e o derradeiro.
14.Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas.
15.Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.
16.Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã.
17.E o Espírito e a esposa dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida.
18.Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro;
19.E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro.
20.Aquele que testifica estas coisas diz: Certamente cedo venho. Amém. Ora vem, Senhor Jesus.
21.A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja com todos vós. Amém.

7 comentários:

Suziley disse...

Um ótimo e abençoado domingo, Valquiria :)

Everson Russo disse...

Uma excelente semana pra ti querida amiga,,,muito amor,,,carinho e poesia....beijos e beijos e beijos.

Ingrid disse...

amém...
beijos e boa semana querida..

Vozes de Minha Alma disse...

Nossa Val...
Este teu blog já tornou-se para mim um reduto sagrado.
Ainda bem que o temos, e graças a Deus pela tua existência, viu?
Um abraço afetuoso desse teu fã, leitor e amigo.

Sônia Silvino disse...

Oi, amiga querida!
Venho lhe desejar uma linda semana. Começar a semana lhe visitando transforma a minha vida numa bela poesia!

"Os verdadeiros amigos são a poesia da vida. Eles enchem nossos dias de cores, rimas e risos e nos seguram a mão quando caminhar parece difícil.


Eles nos mostram que mesmo em dias nublados o sol está no mesmo lugar e nos ensinam que a chuva pode ser uma canção de ninar nas noites solitárias e vazias.


Um amigo é alguém que nunca nos deixa só, mesmo quando não pode estar presente, pois sabemos que um pedacinho do seu coração está conosco.


Um amigo é alguém que pensa na gente mesmo sendo separado por mil mares, é alguém por quem a gente sabe que vale a pena viver.


Um amigo nem sempre diz sim quando dizemos sim e não quando dizemos não, mas ele vai nos fazer entender com mais clareza aquilo que não conseguimos entender sozinhos.


Um amigo é um bem precioso que devemos não deixar guardado numa caixinha de jóias para usá-lo quando precisamos, mas tê-lo sempre presente junto a nós, mostrando ao mundo que riqueza mesmo é ter um verdadeiro amigo."

(Letícia Thompson, Amigos são poemas)
______________________________
Sônia Silvino's Blogs
Vários temas & um só coração!

JOSUÉ disse...

Diléta irmã,

No momento não passo para opinar e comentar as mensagens abençoadas, mas para convida-la a conhecer meu espaço, um blog criado recentemente, cuja a missão é mostrar os dois lados do cristianismo, o humano e o desumano.

Aguardando a visita.

www.emterradecego11.blogspot.com


Graça Paz Obrigado.
Abração.

JOSUÉ disse...

Diléta irmã,

No momento não passo para opinar e comentar as mensagens abençoadas, mas para convida-la a conhecer meu espaço, um blog criado recentemente, cuja a missão é mostrar os dois lados do cristianismo, o humano e o desumano.

Aguardando a visita.

www.emterradecego11.blogspot.com


Graça Paz Obrigado.
Abração.