Entendendo a festa das luzes, o hanukká de Deus em nós.

A Festa de hanukká é a Festa da Dedicação, a Festa das Luzes, cuja chamada é: na Tua luz, veremos a luz, tudo ficará debaixo da luz. É uma chamada para a Igreja de Jesus limpar os altares do Senhor, ser luz diante dos homens e ter uma vida dedicada no altar de Deus.
Na parábola das dez dracmas, o requisito básico para que aquela mulher encontrasse a dracma perdida foi acender a luz (Lc 15). Encontraremos algo que perdemos quando acendermos a luz. Essa parábola fala do resgate da nossa identidade. A mulher é a figura da Igreja que, com diligência, procurará a dracma perdida.
A Igreja é responsável por varrer, tirar a sujeira e acender a lamparina para, com diligência, encontrar o que estava perdido. E quando ela encontrar, não guardará apenas para si, mas convidará seus vizinhos e repartirá sua alegria.
Essa dracma perdida tem um valor espiritual que é a visão. E Deus nos convoca para que retomemos à visão original. Mas, para tirar toda a sujeira é necessário luz, porque sem a luz podemos varrer e jogar fora coisas que são boas. Então, o conselho é: acenda a sua lamparina para encontrar a visão. Nunca vamos ter a visão com a lamparina apagada.
Por que Deus quer que acendamos a luz do Senhor? Porque quando a luz é acesa tudo é denunciado. Deus quer que a luz se acenda para que haja denúncia. A sabedoria, o conhecimento e a revelação só virão quando a luz dos olhos do espírito se abrirem. Quando falamos da festa de hanukká, debaixo da luz do Senhor, o que Deus está querendo nos mostrar? Que Ele vai denunciar todas as trevas.
A Festa de hanukká é a Festa da Dedicação. Isso porque o povo de Israel precisava consagrar novamente o templo que havia sido profanado com a presença de deuses pagãos em seu interior. O altar foi contaminado com sacrifícios pagãos e uma grande perseguição se levantou contra o povo de Israel (168 a.C).
Porém, uma pequena parte do povo se levantou contra aquela profanação, arrancou todo o nível de imundície que havia sobre o altar e começou o processo de reconsagração do templo que durou oito dias. Porém o azeite havia sido profanado. Existia apenas uma porção não contaminada, mas era pequena e serviria para apenas um dia. O milagre é que a menorah ficou acesa por oito dias.
Todos celebraram o milagre da hanukká que significa o clamor de um povo: Deus, que a tua luz permaneça acesa. O primeiro braço da Menorah obrigatoriamente precisa ficar aceso porque é ele que dá luz para os outros. Ele estava aceso e passou luz para os outros. Jesus é a luz que dissipa as trevas, Ele é a luz que alumia toda a humanidade (João 1).
Na Festa de hanukká, o povo de Israel recebeu suprimento de óleo para os oito dias necessários para a purificação. hanukká significa luz acesa, consagração debaixo da luz, separação para santificação ao Senhor, dedicação a Deus.
A Festa de hanukká é o momento de dedicação, de consagração de tudo que pertence ao Senhor. É momento de entendermos que não devemos profanar aquilo que pertence a Deus. Devemos colocar a herança do Senhor de volta no Seu altar e arrancar toda herança do inimigo.
Em hanukká, devemos pedir do Senhor óleo novo, uma nova unção para consagrarmos nossas vidas, nossas casas, nossas famílias ao Senhor. Nossa oração é para que os milagres de Deus alcancem sua vida e que a luz do Senhor permaneça acesa para sempre na sua vida e Família.


MENORÁ

A primeira Menorá foi feita obedecendo a instruções minuciosas de Moisés. A Bíblia afirma que a forma, o desenho e os detalhes da Menorá, foram inspirados por revelação do céu. Na Menorá, havia sete braços ao todo: uma haste central, e três braços que saiam de cada lado. Cada um dos sete tinha uma tigela para o óleo, que era retirada diariamente pelos sacerdotes para limpeza e recomposição do óleo. Ela era impressionantemente grande, de ouro puro e de desenho altamente decorativo.


Naturalmente, o fogo e a iluminação sempre tiveram um papel muito importante. Quando o Templo foi destruído, a Menorá tornou-se principal símbolo artístico e decorativo da fé judaica. A razão pela qual a Menorá de sete braços nunca foi usada como parte ou ornamento do ritual até os tempos modernos, foi a proibição rabínica da reprodução e uso de quaisquer dos ornamentos do Templo. Em conseqüência, no lar, era o candelabro do Shabat (sétimo dia da semana – descanso) e o castiçal convencional que supriam a iluminação nas ocasiões festivas e religiosas por mais de 2 mil anos.


A Menorá foi reintroduzida em 1948 (proclamação do Estado de Israel) como símbolo nacional do povo judeu e da identidade de Israel.


Menorá é uma palavra hebraica que indica candeeiro com sete braços, usado no Tabernáculo. (Êxodo 25: 31-40) (Êxodo 37: 17-24) (Zacarias 4: 2-5; 10-14)


A luz da “Menorá” simboliza a presença de D-us (no hebraico Shekinah)


“Yeshua” (Jesus) é o candeeiro, pois Ele é a luz do mundo. E o número sete indica a perfeição do seu ofício de iluminador. (João 1: 9) “A luz verdadeira que ilumina a todos os homens, estava vindo ao mundo.”


O material que o candeeiro foi feito, o ouro, representa a preciosidade dos símbolos espirituais, bem como a divindade de Yeshua. O azeite que queimava no candeeiro, representa o Espírito Santo e sua unção de consolador. (João 16: 7) e também de convencer do pecado, da justiça e do juízo. (João 16: 9-11) Levando o homem a reconhecer a verdade apresentando provas ou argumentos; persuadindo e determinando todas as coisas.

Oasis – International Chistian Covenant Ministry – A humanitarian Resource


Levanta o pobre do pó, e desde o monturo exalta o necessitado, para o fazer assentar entre os príncipes, para o fazer herdar o trono de glória; porque do SENHOR são os alicerces da terra, e assentou sobre eles o mundo. 1 Samuel 2:8

Diamante

Porque eis aqui o que forma os montes, e cria o vento, e declara ao homem qual seja o seu pensamento, o que faz da manhã trevas, e pisa os altos da terra; o SENHOR, o Deus dos Exércitos, é o seu nome. Amós 4:13

Procurai o que faz o Sete-estrelo e o Orion e torna a sombra da noite em manhã, e faz escurecer o dia como a noite, que chama as águas do mar, e as derrama sobre a terra; o SENHOR é o seu nome. Amós 5:8





A química de Deus é tão perfeita
Transforma, evolui e eleva o nível
Quem viu o antes se encanta com o depois
Se pergunta como foi
Que aconteceu o impossível
O carbono em alta temperatura
Se transforma em um lindo diamante
Pois a química de Deus tem esse efeito
Faz quem nunca teve brilho
Ser a jóia mais brilhante
É incrivelmente lindo o que Deus faz
Normalmente não existe explicação
O carbono para ser cristalizado
Fica superaquecido no calor de um vulcão
A transformação em nós é diferente
Ela sempre causa lágrimas de dor
Mas é preciso sofrer a metamorfose
Pois é de lutas e provas que se faz um vencedor
O carbono de transforma em diamante
E o nécta se transforma no mel
A lagarta se transforma em borboleta
Rompe o casulo, voa no céu
O escravo se transforma em governo
O país inteiro afora é seu
Para uma transformação assim existe um nome:
É química de Deus
A química de Deus acende o vulcão
Aquece o carbono , em um milagre santo lhe transforma em diamante
A química de Deus aquece o coração
Acende a esperança, faz o impossível para transformar você
Na jóia linda mais brilhante
É química, é química, é química de Deus
Que faz o elo do carbono ao diamante
É química, é química, é química de Deus
Que fez você a jóia linda mais brilhante

Damares

Composição: Agailton Silva



GRANDES COISAS FEZ O SENHOR POR NÓS POR ISTO ESTAMOS ALEGRES

Por jnministries
JN Ministries- Pr. Julio Neris
Série: Mensagens bíblicas para o seu dia a dia
Local: Quincy,Massachusetts,USA
Data: 4 de agosto de 2007
Hora: 1:15 pm as 3:15 pm= 2Horas
Tema: “ Grandes coisas fez o Senhor por nós,por isto estamos  alegres “.


“ Com efeito,grandes coisas fez o Senhor por nós,por isso estamos alegres “.       Salmo 126:3

Alguém já disse que um homem é feito de: “ corpo,alma,espírito e sua obra “.Enquanto vivemos na terra,adquirimos experiências e realizamos algo,ou seja desenvolvemos nossos talentos e habilidades,quando uma pessoa morre,seu corpo é enterrado,mas sua parte imaterial ( alma + espírito ) se dirige ao lugar provisório ( hades ou paraíso) aguardando o juízo final,mas as pessoas que passam para a eternidade,serão sempre lembradas por suas obras,pelo que fizeram em prol ou contra a humanidade.Moisés é lembrado por fundar a nação Israelita,dando -lhes leis e feições de povo,Hitler é conhecido por tentar destruir este  povo.Shakespeare é conhecido por elevar o nível do teatro,Nero é conhecido por sua loucura é ódio que tinha dos cristãos.
Milhões de pessoas já passaram por nosso planeta,alguns usados por DEUS realizaram obras maravilhosas que visavam o bem estar da humanidade,outros influenciados pelo maligno,realizaram obras que visavam denegrir e destruir a humanidade.Neste artigo queremos avaliar o poder da obra de DEUS a serviço da humanidade,amado leitor,espero que voce seja abençoado nesta leitura.
Deus é o nosso maior exemplo de trabalhador,pois no livro de gênesis,o vemos criando cada coisa a cada dia,e descansando no sétimo dia.
Quando pensamos em DEUS,pensamos em alguém que não se cansa de trabalhar,e sempre este trabalho é a favor da humanidade.Amado leitor,neste artigo,quero avaliar com voce,as grandes coisas que DEUS fez,faz e fará por voce.Amado,não sei que lutas voce enfrenta neste dia,mas certamente voce não está só,Deus está com voce o tempo todo,já ouvi alguns dizerem: “ Deus está ao seu lado para te ajudar “,biblicamente DEUS está dentro de nossos corações,habitando continuamente,não mero hóspede,mas SENHOR ABSOLUTO de toda a nossa vida.
Amado leitor,voce está triste por que perdeu o seu emprego que voce trabalhou e investiu por muitos anos?lembre-se que antes de voce ter este emprego,voce estava desempregado,ou seja,Deus providenciou este trabalho que voce acaba de perder,portanto o mesmo DEUS,tem suficiente poder para abrir portas profissionais até melhores,voce crê nisto?então sorria,mostre ao mundo,que DEUS habita em voce,e que o seu sustento e de sua família sempre virá,DEUS se encarregará de sustentar voce.Lembre-se também que no mundo inteiro existem milhões de pessoas desempregadas como voce,e nem por isto estas pessoas se desesperam,os que confiam em DEUS,terão sempre um testemunho de vitória para contar,
Amado,voce está triste por que está doente,ou porque perdeu um amado ente querido,ou porque não conseguiu ainda um esposo ou esposa,ou porque parece que sua vida não caminha para a frente?amado leitor,a vida de todas as pessoas é assim,feita de momentos diferentes,da mesma forma que existe o verão,o inverno,a primavera o outono,nossa vida também tem fases.
Relembre alguns momentos de sua vida e voce verá que muitas coisas já aconteceram em sua vida,muitas conquistas,mas também muitas perdas,o mais importante é saber que hoje,exatamente agora voce está vivo,com problemas sim,mas com a solução para todos eles,esta solução é DEUS.
COM EFEITO GRANDES COISAS FEZ O SENHOR POR NÓS….
NOSSA VIDA É UMA GRANDE COISA QUE DEUS FEZ POR NÓS
Amado leitor,o que precisamos observar é que DEUS sempre fez,faz e fará grandes coisas por nós.
Nossa vida é uma grande coisa que DEUS fez por nós.Nosso corpo,os sistemas que trabalham em conjunto para nos manter saudáveis,voce sabia que quando alguma bactéria entra em nosso corpo,o próprio corpo se encarrega de eliminá-la através da diarréia ou vômito?voce sabia que nossa pele automaticamente se renova,quando esfregamos nossa pele,tiramos parte dela e outra camada é imediatamente colocada no lugar?
O trabalho maravilhoso do coração bombeando sangue para o corpo,o pulmão cuidando do ar,os rins cuidando  da água,etc… precisamos observar  as  pequenas coisas da vida,e engrandecer a DEUS,porque na realidade o que parece pequeno para nós,na verde está na categoria das grandes coisas   que Deus  tem feito por nós.
SALVAR-NOS FOI UMA GRANDE COISA QUE DEUS FEZ POR NÓS

Andávamos no passado longe de DEUS e cheios de pecados,um dia alguém pregou para nós e a luz de DEUS entrou em nossos corações,hoje podemos entender a bíblia sagrada,ouvimos e obedecemos a voz do Espírito Santo,sentimos a proteção oferecida pelos anjos do Senhor,fazemos parte de uma congregação,que como nós,ama e serve a DEUS.
Nos cultos adoramos e exaltamos a DEUS,sentimos sua presença tão perto de nós,que as vezes dá vontade de chorar de tanta emoção,ao perceber como pode um ser tão santo como DEUS chegar tão perto de nós,salvos mais ainda pecadores?
Se louvássemos a DEUS 24 horas por dia,todos os dias de nossa vida,nunca conseguiríamos pagar a DEUS por tão grandes coisas que tem feito por nós,
A FAMÍLIA DA FÉ FOI UMA GRANDE COISA QUE DEUS FEZ POR NÓS
Enquanto viver em família é uma grande benção de DEUS para nós,viver no meio da família é sempre uma experiência inesquecível.
Nossa família é formada pelos nossos ancestrais( avós,pais)nossos descendentes (filhos,netos,bisnetos) colaterais (primos,tios,etc)a sociedade é formada por todas as famílias.Fazer parte de uma família,nos faz sentir vivendo em sociedade,mas existe a família da fé,que é formada por pesssoas que pertencem a várias famílias terrestre,mas estas pessoas pertencem a família da fé,porque optaram em serem adotadas na família de DEUS,através de JESUS.Nesta família o Pai é DEUS,o filho ilustre e legítimo é JESUS,e os filhos adotados.O mestre deste assunto,adoção é o apóstolo Paulo,que explana com maestria em Gálatas 4;5,Romanos 8:15,23 e Efésios 1:5.
Amado leitor qual a importância de vivermos no meio da família da fé na terra?a importância está em vivermos na terra com as pessoas que conviveremos eternamente nos céus.Como servos de DEUS nos identificamos mesmo tendo algumas diferenças teológicas.Cremos em DEUS pai criador,cremos no filho de DEUS,JESUS como nosso salvador,cremos no Espírito Santo,como nosso consolador e habitante em nossos corações,cremos na Bíblia sagrada como regra de fé e prática.Como servos de DEUS amamos Maria,não como a mãe de DEUS (pai )mas como mãe terrena de JESUS e filha de DEUS como todos os outros servos de DEUS.
Como servos de DEUS cremos no poder da oração pessoal e criativa e não no poder da reza decorada e repetitiva,cremos no lugar provisório dos servos de DEUS ( paraíso ) e no lugar definitivo ( céu dos céus ),e não no purgatório,como lugar onde se pode purificar-se dos pecados.Cremos que existe o hades (lugar provisório dos mortos sem cristo ) e o lago de fogo (lugar definitivo dos que não aceitaram a salvação de DEUS.
Como servos de DEUS,cremos num corpo cheio de membros diferentes,como o corpo humano,que tem coração,pulmão,ossos,músculos,veias,etc,,,mas que juntos fazem o corpo agir como ser vivo.As denominações diferentes,são apenas nomes diferentes para diferentes partes do corpo,da mesma forma que pulmão,coração,etc..
Cremos que  corpo de DEUS tem um cabeça,Cristo,que tem dirigido a igreja desde sua fundação até a consumação dos séculos.
O povo de DEUS é unido não por “ novas revelações” que surgem a cada dia,criando a cada dia uma nova seita,mas somos unidos pela “ antiga e contemporânea revelação “ expressa na bíblia sagrada.
O povo de DEUS não idolatra seus líderes,como algumas religiões,que dão poder divino a eles,os servos de DEUS respeitam seus líderes,mas ADORAM somente a JESUS,O REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES.
O povo de DEUS é unido pelos objetivos comuns de levar as boas novas para os que não conhecem e de lutar contra as mesmas forças que lutaram contra JESUS,as forças do mal,lideradas por satanás.
O povo de DEUS se reune em templos,em casas ou quaiquer outros lugares onde podem adorar e exaltar seu senhor,nestes encontros os servos de DEUS recebem bençãos e oferecem ao seu senhor,louvor,adoração e seus dízimos e ofertas.
O povo de DEUS tem muitas coisas em comum,por isto nos amamos tanto.Pertencer a família de DEUS é uma das grandes coisas que DEUS fez por nós,Amado leitor,agradeça a DEUS por sua congregação,por seus líderes,pelo maravilhoso trabalho que DEUS tem feito através de seu grupo.
Amado porque voce não diz a Deus diariamente esta frase:  “ SENHOR muito obrigado por me colocar na família da fé,obrigado por tão grande privilégio “.
NOSSA FAMÍLIA E AMIGOS SÃO GRANDES COISAS QUE DEUS FEZ POR NÓS
Chegamos a terra através de nosso pai e mãe,apartir daí começamos a nos relacionar em família e entre amigos.Ao longo do tempo descobrimos,quão importantes estas pessoas foram e são em nossas vidas.
A cada dia DEUS tem se preocupado conosco,e sempre que precisamos DEUS coloca em nossa vida,pessoas que parecem anjos enviados por DEUS para nos ajudar.Algumas destas pessoas vemos somente uma vez,elas  aparecem,nos ajudam e depois desaparecem como que se viessem somente para nos ajudar naquele momento.
Amado leitor,voce já agradeceu pelos professsores que passaram por sua vida?estas pessoas nos ensinam coisas importantes,que nos ajudam em nossa vida futura.Voce tem agradecido a Deus pelos médicos que passam por sua vida?estas pessoas nos receitam medicamentos,nos dão conselhos que nos ajudam a viver melhor.Voce já agradeceu por tantas outras pessoas,profissionais ou não,pessoas que nem sempre são evangélicas,mas que tem amor no coração e se preocupam com o nosso bem estar.
DEUS seja louvado por tão grandes coisas feitas em nossas vidas através destas pessoas que nem sempre percebem o quanto elas tem sido um instrumento de DEUS para nos ajudar.
A PROTEÇÃO DE DEUS TAMBÉM É UMA GRANDE COISA QUE DEUS TEM FEITO POR NÓS.
Amado leitor,uma das grandes coisas que DEUS tem feito por cada um de nós a cada dia é a sua proteção,o salmo 91:1,2 nos diz: “ porque aos seus anjos dará ordens a teu respeito,para que te guardem em todos os teus caminhos.Eles te sustentarão nas suas mãos,para não tropeçares nalguma pedra “.ALELUIA!,GLORIAS SEJAM DADAS AO NOSSO DEUS.Dá prazer de ler estes dois versos.
Amados leitores,a cada dia precisamos de proteção,o perigo está em cada esquina,e para termos certeza de que estaremos a salvo,precisamos meditar nestes lindos versos da bíblia sagrada.O texto diz que DEUS emitirá ordens especiais a nosso respeito,ordens estas dada aos anjos poderosos do SENHOR que são capazes de guardarem os nossos caminhos.
Amado leitor,para que esta ordem seja dada a meu respeito,este anjo precisa saber quem eu sou e meu nome,onde vivo,onde posso ser encontrado.Estas informações somente podem ser dadas por DEUS.Voce pode glorificar a DEUS por isto?Deus se preocupa com voce e por este motivo ordena aos seus anjos para te guardarem,ELE não pede aos anjos para nos guardarem,mas ordena,é prioridade divina que sejamos protegidos diariamente,24 horas por dia,mas porque motivo?porque somos servos de DEUS na terra,a cada dia proclamamos o senhorio de JESUS aos que estão sendo escravizados pelo maligno,se o maligno trabalha para destruir as pessoas e o povo de DEUS trabalha no sentido de libertá-las,uma guerrra invisível mas real é travada todos os dias.
Ao emitir uma oração em favor de alguém escravizado pelo mal,agradamos a DEUS,e enfurecemos nosso inimigo.O maligno não se contenta em ficar enfurecido,ele emite ordens aos seus subordinados,para nos afligirem e nos destruirem,a nossa vantagem é que nosso inimigo é inferior ao senhor que servimos,as ordens de Deus aniquilam as ordens do maligno.
Amado leitor,nosso inimigo sempre arma ciladas para nos pegar,ele pode tentar afetarmos com determinadas enfermidades,pode tentar destruirnos nas estradas com “ acidentes “,pode usar pessoas para tentar nos fazer todos os tipos de males,mas não precisamos ficar com medo.Nós,o povo de DEUS não precisamos fechar “ nosso corpo “ como algumas pessoas fazem em centros tentando impedir que os males cheguem a sua vida,não precisamos usar figas nem amuletos de proteção,não precisamos carregar na carteira rezas a santos protetores,nós o povo de Deus temos proteção completa e eficaz,que vem diretamente do criador do universo.
Amado leitor,esta proteção é uma grande coisa que DEUS faz por voce,por isto voce tem motivos de sobra para se alegrar em DEUS.
Amados leitores,quero agradecer a cada um de voces,que me acompanharam nesta reflexão bíblica sobre o motivo de nossa alegria.Deus nos criou,nos salvou,nos sustenta,nos dá amigos,companheiros,irmãos da fé,e outras pessoas que passam pela nossa vida para nos ajudar,nos envia seus anjos para nos proteger,portanto não fique triste com a sua vida,não seja um pessimista,creia em DEUS,e louve e agradeça a ele por tudo o que ele já fez por voce.
Ao acordar a cada manhã diga: “ GRANDES COISAS O SENHOR VAI FAZER NESTE DIA POR MIM E MINHA FAMÍLIA,POR ISTO EU JÁ ME LEVANTO ALEGRE”.
Pr. Julio Neris
International lecturer
Conferencista internacional


Prece...Obrigado Senhor

Porque és meu amigo
porque sempre comigo
tu estás à falar.
No perfume das flores,
na harmonia das cores
e no mar que murmura,
o seu nome a rezar.
Escondido tu estás
no reino da floresta
nas aves em festa
no sol a brilhar .
Na sombra que abriga
na brisa amiga
na fonte que corre
ligeira a cantar .
Te agradeço ainda,
porque na alegria
ou na dor de cada dia
posso te encontrar.
Quando a dor me consome
murmuro o Teu nome
e mesmo sofrendo
eu posso cantar.
(autor desconhecido)

Frutificando em tempo ou fora de tempo

Marcos 11:12-13

E, no dia seguinte, quando saíram de Betânia, teve fome. E, vendo de longe uma figueira que tinha folhas, foi ver se nela acharia alguma coisa; e, chegando a ela, não achou senão folhas, porque não era tempo de figos.
Nada que Jesus fazia era sem sentido, ou por acaso. Como procurar figos fora do tempo? Diz o versículo acima que não era tempo de figos. Porque Jesus sendo Deus onisciente vai a figueira mesmo sabendo que não encontraria frutos? Porque Ele reprova aquela arvore? Grandes atitudes de Cristo diante dos discípulos eram como figura, para passar algo espiritual para eles, nem sempre eles compreendiam o que Cristo fazia.
Mesmo tendo fome ou sede como qualquer ser humano, Jesus passava seus ensinamentos. Por trás da fonte de Jacó estava a mensagem da água da vida e quem bebesse dela nunca teria sede. Por trás de uma arvore, bonita e cheia de folhas; porem sem frutos tinha uma grande mensagem do reino de Deus tanto para os discípulos como para nós nos dias de hoje.
Nos Evangelhos vemos muitas metáforas, entre elas Cristo nos compara a sal, a Luz e a arvore. E cada uma das comparações que ele simbolizava os discípulos, tanto eles como nós teremos que ser aprovados em todos os sentidos. Para que serve o sal, se não temperar? O que serve a Luz se não luminar? Para que serve a arvore se não frutificar?
Os seus ensinamentos eram cheios de simbologia, para cada símbolo havia uma grande mensagem. Jesus procura um fruto naquela arvore e não achou, não procurava qualquer fruto, mas um fruto bom e não encontrou.
No reino de Deus, vemos três arvores e situações que devemos avaliar; Arvore bonita cheia de folhas, mas porem sem frutos, arvore boa cheia de bons frutos e arvore má cheia de maus frutos. Não só as infrutíferas são reprovadas no reino de Deus, mas vemos em sua palavra também reprovações para aquelas que tem maus frutos. No reino de Deus só há vaga para arvore boa cheias de bons frutos. Com toda metáfora usada por Cristo devemos ser arvore boa com bons frutos, não arvore temporão que em vez em quanto frutifica, mas em tempo e fora de tempo devemos frutificar. Vemos no texto Cristo procurando frutos fora do tempo naquela arvore, veja: chegando a ela, não achou senão folhas, porque não era tempo de figos.
A boa arvore é conhecida pelos frutos, a boa arvore não precisa mostrar que é boa mas pelos seus frutos todos os aprovam e reconhecem que se trata de uma bela arvore. Mateus 7:16-20-Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? 
Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus. Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons. Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo. Portanto, pelos seus frutos os conhecereis. Dom não qualifica, não autentica arvore alguma, dom é dádiva de Deus para os homens, Já os frutos, qualifica, autentica a arvore. Gálatas 5:22-Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.
Qual arvore você tem sido? Arvore bonita cheia de folhas, mas porem sem frutos?Arvore bonita, boa e cheia de frutos?Ou arvore até atrativa, mas com frutos maus?
Lembre-se quando o Senhor vier, ele quer te encontrar com bons frutos, frutificando em tempo ou fora de tempo. Lembre-se que a arvore infrutífera ou má será cortada e lançada ao fogo, para que dê lugar à outra. Mateus,3:10- E também agora está posto o machado à raiz das árvores; toda a árvore, pois, que não produz bom fruto, é cortada e lançada no fogo.
Mateus 21:43- Portanto, eu vos digo que o reino de Deus vos será tirado, e será dado a uma nação que dê os seus frutos.
 Lucas 6:43-45. Porque não há boa árvore que dê mau fruto, nem má árvore que dê bom fruto. Porque cada árvore se conhece pelo seu próprio fruto; pois não se colhem figos dos espinheiros, nem se vindimam uvas dos abrolhos. O homem bom, do bom tesouro do seu coração tira o bem, e o homem mau, do mau tesouro do seu coração tira o mal, porque da abundância do seu coração fala a boca.
Não basta ocupar lugar de arvore, ser bonita e conhecida como boa se os frutos os reprova, o Senhor espera de nós frutos muitos frutos.
Deus abençoe e nos conceda misericórdia que possamos dar muitos frutos em tempo ou fora de tempo.
Amém.
 Por, Josiel Dias

Mensagem Diante do Trono: Os Frutos do Espírito Santo - Por Helena


Rio de Vida - Frutos do Espírito 



Frutos do Espírito

Há um rio de vida fluindo entre nós
que desce do trono, do trono de Deus
Há uma fonte bendita fluindo entre nós que dá vida ao povo de Deus
Jesus, vem nos curar, nos erguer em glória e poder
Jesus, vem liberar entre nós o teu Espírito, somos teu povo
Jesus, digno tu és de louvor e adoração
Nos rendemos aos teus pés e um trono de glória
levantamos a Ti, Jesus


***

" CARTA PARA JESUS"

-DESTINATÁRIO
Senhor Jesus Cristo
Morada Celestial
Único trono a direita de D’eus                                                               
Céu dos Céus

Itajubá, 31 de Julho de 2009. 

Querido e amado Senhor Jesus.
                                             
    Olá, meu amado e querido amigo e salvador. Tenho por ti um grande amor. E hoje resolvi escrever-lhe esta carta, talvez ela também seja a voz de algum outro irmão que esteja com vontade de lhe falar.
    Já faz muito tempo que o Senhor passou por aqui, e tenho lido muito a sua palavra, e lá tenho visto grandes maravilhas que operavas no tempo em que aqui esteve. Sabe Jesus! Hoje está tudo tão diferente por aqui. Logo depois que o Senhor voltou para o céu, o lugar onde está preparando uma morada para todos os que permanecerem fiéis, e eu não vejo à hora de chegar aí no céu e como dizia minha vovó, “estou igual à tartaruga com relógio nas costas”, mas acredite muita coisa não está funcionando como o esperado.
   Jesus! Acho bom voltares logo, antes que o homem se afunde ainda mais em um lamaçal de erros e pecados. Eu não quero lhe causar nenhuma tristeza, mas é que já não achamos mais pastores que possamos confiar e abrir nossos corações, então vou lhe contar algumas coisas que estão acontecendo por aqui, mas me prometa que não vai se entristecer demais, por favor!
    Olha Jesus! Depois que o Senhor foi embora, seus discípulos continuaram a fazer maravilhas como o Senhor havia feito e multidões se converteram, a igreja de Cristo se espalhou por todos os lugares, como era esperado por ti. É certo que ouve muita perseguição, mas a coisa funcionava direitinho. Sei que muitas passagens eles próprios já às relataram ao chegarem ao Seio de Abraão.
  Porém, uma sementinha má, que creio eu se chama GANÂNCIA, foi plantada no coração do homem, e pior foi que essa praga germinou. E com o crescimento da árvore da GANÂNCIA, o homem começou a fazer coisas que o Senhor não vai gostar nem um pouquinho. Mas devo lhe dizer, continue assentado em seu trono, pois pretendo ser breve nesta carta.
    Meu Senhor, o homem começou a odiar seu semelhante, mesmo tendo seu mandamento de amar uns aos outros, e ouve vezes que jogaram “uma tal” de bomba, que creia, o Senhor não vai gostar de saber o que é, em cima de cidades, onde milhares de vidas vieram a morrer. Por aqui cada um quer mandar mais do que o outro. Há! Já ia me esquecendo de lhe falar que os teus conterrâneos, eles foram os que mais sofreram, pois apareceu “um tal” de Adolf Hitler, que exterminou, acredite, mais de 6.000.000, sim, seis milhões de Judeus.
    A briga entre os irmãos homens ainda continua, mas quem mais sofre são as criançinhas, que perdem seus pais, e ficam sozinhas entregues aos marginais. Eu queria que não fosse assim, mas acho que a semente da GANÂNCIA sofreu uma mutação e deu outros furtos, tais como, prepotência; orgulho; individualismo; arrogância; ódio; e outros; que prefiro não falar, para não lhe magoar ainda mais.
   Agora se segure. Sabe a Igreja que o Senhor chama de a noiva do cordeiro? Ela não está pronta. No começo ela levou a sério esse negócio de ser a noiva do Cordeiro, mas com o passar dos tempos virou uma coisa de louco, ela, a igreja começou a se dividir, e surgiram denominações que nasceram de desobediência a pastores, pois eles brigavam com seus pastores e abriam suas próprias igrejas, acredita? Aí veio cada nome de Igreja que não vai acreditar, mas como o Senhor tem me mandado uns e-mails celestiais, e acredite, suas mensagens tem feito maravilhas por onde eu passo levando elas, gostaria que acessasse a internet e vá no google e digite “nomes de igrejas”, então verá que falo a verdade.
Mas por falar em mensagens, se segura de novo. Com as divisões nas igrejas, surgiram os chamados pregadores itinerantes, assim como o Senhor fazia junto com os irmãos Pedro, Tiago e João e por falar em João, eu não vejo a hora de lhe dar um abraço. Há! Só que esses pregadores, só iam nas igrejas para bater, levar fofoca, e cantar as irmãs, depois iam embora deixando o “pepino” na mão do pastor, eles se acham o “dono da cocada preta”, e aí começaram a cobrar para levar aquilo que o Senhor lhes dava de graça. 
    Não sei se devo pedir isso, mas dá uma parada de lhes enviar mensagens, aí eu quero ver. Acho isso um absurdo, cobrar para dar aquilo que ganharam de graça, vê se podeMeu amado Jesus! Sei que se lembra do dia que criou a terra. Eu sinto lhe informar que ela já não é mais a mesma, pois mesmo sabendo que depende dela para sobreviver, o bendito do homem está destruindo tudo, isso é que é “burrice”. E o pior que a própria natureza já deu sinais para que ele parasse, mandando terremotos, furacões, tufões, e até umas tsunami. Nem assim ele para de destruir a terra, sem falar na poluição que está acabando com a camada de ozônio. Hozana, ora vem Senhor Jesus. 
   Acho que é melhor voltar logoJesus, eu queria lhe pedir para nos ajudar de alguma maneira, pois tenho medo de que muitos se percam na busca desenfreada por riquezas terrena
   Bem, acho melhor terminar. Não que eu queira, mas aqui na terra ainda há dia e noite, e quando chega à noite, dá uma canseira!
   Mas quero que saiba de uma coisa. Ainda há por aqui um pequeno povo que não se corrompeu, que continua fiel a tua palavra, que ainda vai aos cultos por amor e não para aparecer. Um povo que gosta de cantar mesmo em meios as lutas, e ainda estão louvando o teu nome. Eles sabem que não são de açúcar e nem de papel, por isso nem chuva os segura. Quanto ao frio, eles nem se incomodam, ainda assim vão aos cultos.
     Olha meu Senhor, esse povo perto do número de habitantes que residem hoje na face da terra, é pequeno, mas o Senhor me ensinou que sua prioridade é com a qualidade e não com a quantidade, então fique tranqüilo que há neles muita qualidade. Mas os dias não tem sido fáceis para eles, talvez o Senhor pudesse abrir as janelas do céu mais uma vez sobre esses heróis dos últimos tempos, e mandar umas bênçãos extras, sabe como é, bênçãos nunca são demais. Eles merecem, pode crer. Inclusive certa vez a rainha da Inglaterra disse uma frase sobre eles, que marcou a história. Foi mais ou menos assim:
“Temo mais temor de um crente quando está com os joelhos no chão, do que dos canhões inimigos”.
  Jesus! Vou terminando por aqui e aguardo respostas suas. Como um cristão, vou continuar orando e peço que tenha paciência comigo, pois sei que preciso muito de sua ajuda.
     Embora tenha muito mais a lhe falar, vou ficando por aqui. 
Eu te amo.

     De seu filho.
  Pr. Alexandre Augusto Pereira 

Porque um Menino nos nasceu, um Filho se nos deu; o governo está sobre os Seus ombros; e o Seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Isa. 9:6.

Príncipe da Paz
Jesus é muitas vezes chamado o Príncipe da Paz, mas incontáveis guerras têm sido paradoxalmente travadas em Seu nome durante os últimos dois mil anos.

Havia uma estrela de prata pendurada na Igreja da Natividade, em Belém, sobre o suposto local do nascimento de Jesus. Visitei essa gruta em 1959, quando participei de uma excursão pelas terras bíblicas. Vi uma estrela feita no chão, sob a manjedoura. Mas não pude ver nenhuma estrela de prata pendurada. Mais tarde fiquei sabendo que havia uma estrela, sim, mas que havia sido removida uns cem anos antes.

Em 1853 aquela estrela se havia tornado o foco de uma discussão que causou, em pouco tempo, a Guerra da Criméia. Tudo começou quando um clérigo da Igreja Ortodoxa Oriental decidiu substituir a estrela por uma outra da própria igreja. O clérigo do rito latino discordou. O primeiro era apoiado pela Rússia: o segundo, pela França. Quando a Turquia se colocou ao lado da França, a Rússia foi à guerra contra a Turquia. A França, a Grã-Bretanha e a Sardenha, por sua vez, declararam guerra contra a Rússia. A guerra durou três longos anos e resultou em dezenas de milhares de soldados mortos e feridos. Por fim, os aliados venceram. O lado irônico do fato é que a estrela de prata, o centro da contenda, foi retirada permanentemente dois anos depois da guerra, mas deixou um legado de má vontade que durou muito tempo.

Você já parou para pensar por que Cristo tem sido tão freqüentemente ligado à guerra e ao derramamento de sangue, quando Ele é o Príncipe da Paz? Não é Cristo que causa essas guerras. Elas são causadas por indivíduos que professam ser Seus seguidores (ver S. Tiago 4:1 e 2), mas aparentemente nunca experimentaram, e portanto não revelam por suas ações, a paz da qual Jesus é o príncipe (ver S. João 16:33).

Esta é a época do ano em que os pensamentos de muitos se voltam para o nascimento do Príncipe da Paz. Que seja também o tempo em que os seus e os meus pensamentos se voltem para Ele. Que Jesus nasça outra vez no seu coração e que você experimente sempre a paz que Ele oferece - a paz "que excede todo o entendimento". Filip. 4:7.


Anjo que caiu neste mundo,
Para trazer a flor da paz,
Para adormecer a criança triste,
  Chorando aos braços da mãe,
Vendo o sangue derramar.
Pobre criança,
Não chore,
Pois estou aqui para acalmá-la
vim trazer a flor da paz,
Para que todos esqueçam da tristeza,
  E só chorem de felicidade,
  E continue tendo o amor que há,
Fazendo com que a tristeza que nos dá,
faça com que não percebamos,
Que há guerra,
  Mas que pensemos que há amor, paz, alegria,
Pois com tudo isso podemos fazer com que tenhamos,
Um mundo sem guerras, e violência.




             Este mesmo mês vos será o princípio dos meses; este vos será o primeiro dos meses do ano
(Êxodo 12:2)

NOVO ANO, NOVO COMEÇO

É apropriado para os primeiros dias do ano abrirmos este devocional falando sobre o começo de um novo ano. O versículo acima deveria ser o começo de uma era completamente diferente, na qual a contagem do tempo seria alterada. Mas qual evento revolucionário originou essa mudança?
Deus estabeleceu um recomeço para os israelitas. Por séculos, os descendentes de Abraão, Isaque e Jacó foram submetidos à escravidão no Egito. Agora Deus estava prestes a libertá-los e conduzi-los à terra prometida.
Da opressão à liberdade, do medo à segurança: um novo começo com Deus. Esse era um dia que realmente merecia ser lembrado. Marcava o início da história de Israel como o povo terreno de Deus.
Mas há muitos mais. No versículo 3 lemos: “Aos dez deste mês tome cada um para si um cordeiro”. Esse era o ponto central do novo começo. Esse fato apontava para o Senhor Jesus Cristo, cuja morte sacrificial na cruz iria trazer um início ainda mais radical, não apenas para uma nação, mas para toda a humanidade que, desde então, está convidada a compartilhar dele.
Portanto, esse novo ano pode ser um ano de liberdade interior e verdadeira segurança para todos – um ano sob a benção e orientação de Deus. O Senhor não prometeu que os meses vindouros transcorreriam sem dificuldades, mas prometeu estar conosco em todas as circunstâncias que enfrentamos. Por isso em Suas mãos estamos seguros e salvos.
A promessa de Deus se aplica a todos os que desejam começar de novo sob Seu senhorio e que pertencem a Ele e à Sua nova criação pela fé no Senhor Jesus Cristo. “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo” (2 Coríntios 5:17).


 
                                                Eu quero a Paz, a grande Paz
da Lua sozinha no céu.
A paz sem a menor lembrança,
a paz de quem nunca viveu.
A Paz que reina nos domínios
onde não há musgos nem germes.
E não há sulcos nos caminhos.
E há seiva debaixo da neve

A Paz sem devaneios, dentro
dos seus nítidos horizontes.
A Paz dos cristais no silêncio
sem nenhuma idéia de som.
A Paz que precedeu as sombras,
a que antes das tréguas nasceu.
A que nos tempos não se encontra,
a que foi desejo de Deus.
Eu quero a Paz com perfeição
de flor e orvalho, eu quero a Paz
ao alcance das nossas mãos,
com a substância e as cores do nácar.
Porém eu quero a Paz acima
de qualquer sopro humano- ou mácula.
Com delicadezas de vime
guardada de todo contato.
Assim como a Lua sem noite
e sem espaço, de tão leve,
miragem que se desvanece
em frente ao anjo anunciador.

A Lua sem anjo ou demônio,
alheia aos mares que descobre
no caminho da solidão
para lá da vida e da morte.
Eu quero a lua toda pura,
a lua sem vendas nos olhos.
Enquanto a Terra em febre esta,
a Lua completa- e não cora.

Fonte: Mensagens e Poemas

FELIZ SEJA  A PAZ ENTRE OS HOMENS DE BOA VONTADE
ESTA É A VONTADE DO PAI

Rebeca, bendita de Deus, Isac o prometido.


Deus orientou a escolha de Rebeca como esposa para o filho de Abraão, Isaque. Mas, por que Rebeca foi selecionada? Suas qualidades devem ter sido muito desejáveis do ponto de vista de Deus. Ela deve ter sido apropriada para o seu propósito de fazê-la mãe duma nação, que se tornaria um povo para o seu nome.

Foi após a morte de sua esposa amada, Sara, que Abraão fez arranjos para obter uma esposa para seu filho Isaque, então com cerca de 40 anos. Não querendo que seu filho se unisse a uma não-adoradora de Yehowah, Abraão pediu ao administrador da sua casa, mui provavelmente seu servo fiel Eliézer, que viajasse até a Alta Mesopotâmia. Não deu a seu servo nenhuma instrução especial para orientá-lo. ‘O anjo de Yehowah o fará’, disse Abraão com confiança. Confiava em que o Altíssimo, de algum modo, escolheria dentre seus parentes uma virgem adequada para Isaque. — Gên. 24:1-9.

O servo de Abraão tomou 10 camelos carregados de presentes valiosos. Acompanhado por seus assistentes, viajou durante dias, chegando finalmente à cidade de Naor, no vale da Alta Mesopotâmia. Chegou à tardinha, cansado e sedento, exatamente na hora em que as jovens da cidade vinham para tirar água do poço. Que boa oportunidade de agir segundo a ordem de seu amo! Mas, como saberia que moça escolher? Voltou-se para Jeová e orou para que a escolha fosse indicada por um sinal — de que a moça escolhida, ao lhe pedir que lhe desse de beber, se oferecesse também a dar água aos seus camelos. — Gên. 24:10-14.

I. A RESPOSTA DE DEUS À ORAÇÃO
Antes de o servo terminar de orar, surgiu uma moça muito atraente com seu cântaro sobre o ombro. Sem que ele o soubesse, ela era Rebeca, sobrinha-neta de Abraão. O servo dirigiu-lhe seu pedido: “Por favor, dá-me um gole de água do teu cântaro.” Seria esta jovem a escolha de Deus? Graciosamente, Rebeca respondeu: “Bebe, meu senhor.” Abaixou depressa o seu cântaro e deu-lhe de beber. “Tirarei também água para os teus camelos até que acabem de beber”, disse ela. De modo que Rebeca esvaziou depressa o seu cântaro no bebedouro e correu ainda várias vezes ao poço para tirar água para os 10 camelos. Que trabalho! Um camelo pode beber mais de 20 litros por dia. — Gên. 24:15-20.

O servo compreendeu que, até então, sua oração pedindo orientação fora respondida. Sua atenção fora dirigida a uma jovem virgem com as qualidades desejáveis da bondade, prontidão e diligência. Após dar-lhe uma argola de ouro para as narinas e duas belas e valiosas pulseiras de ouro, interrogou-a sobre a sua família e sobre a possibilidade de pernoitar na casa do seu pai. Ela se identificou prontamente e disse: “Temos tanto palha como muita forragem, também um lugar para se pernoitar.” Induzido pela gratidão a Deus, o servo se inclinou e bendisse o Altíssimo. — Gên. 24:21-27.

Não houve a menor hesitação no coração de Rebeca quanto a mostrar hospitalidade a este homem. Correu para casa, a fim de fazer preparativos para o hóspede inesperado, e contou à família o que ocorrera. Ao ouvir isso, seu irmão Labão correu até o poço para acolher o estranho. Preparou-se um banquete na casa. Nenhum membro da família de Rebeca perguntou sobre a identidade e o propósito do estranho. Haviam-se concentrado em mostrar hospitalidade a ele e a seus assistentes, e em alimentar seus camelos. — Gên. 24:28-32.

No entanto, o servo de Abraão só pensava numa coisa — cumprir fielmente sua comissão, em harmonia com a orientação do anjo de Yehowah. Antes de concordar em participar da refeição, o servo identificou-se e explicou seu propósito. Contou-lhes sobre o pedido de um sinal que fizera a Yehowah, e sobre como Rebeca se comportara em conformidade com o sinal. — Gên. 24:33-49.

II. DEUS DIRIGE OS ASSUNTOS

Qual seria a reação da família de Rebeca? Que momento de suspense para o servo! Cheios de admiração e respeito, Labão e Betuel, o pai, compreenderam que tudo isso devia proceder de Deus. Eles responderam: “Eis que Rebeca está diante de ti. Toma-a e vai-te, e torne-se ela esposa do filho do teu amo, assim como Yehowah falou.” — Gên. 24:50, 51.

Houve grande excitação na casa. O servo apresentou presentes valiosos para Rebeca, sua mãe e seu irmão. Depois, todos tomaram a refeição preparada. Segundo o costume daquele tempo, esses procedimentos na casa de Rebeca constituíam a preparação dum contrato de casamento. — Gên. 24:52-54a.

Mas, então, a mãe e o irmão de Rebeca suplicaram uma demora de pelo menos 10 dias antes de a deixarem ir. O servo insistiu em partir logo. Por fim, deixaram Rebeca decidir. Chamaram-na e perguntaram: “Irás com este homem?” Neste momento o servo deve ter prendido a respiração. Partiria ela logo de casa com destino a um marido que nunca vira? Qual seria a resposta de Rebeca? Estava disposta, e se sujeitaria assim, prontamente, à escolha de Deus? “Estou disposta a ir”, foi a resposta de Rebeca. Sem demora, hesitação, dúvida ou condições! Que moça notável! (Gên. 24:8, 54b-58) Ela não só era atraente, bondosa, disposta, diligente e hospitaleira; Rebeca era também decidida, perspicaz e cheia de fé implícita. Percebia a mão de Deus neste assunto, e não hesitou em agir em harmonia com a vontade Dele. Cônscia de que seu tio-avô Abraão instruíra Isaque no temor do Todo-poderoso, Rebeca não tinha motivos de se preocupar quanto a como seria tratada como esposa.

Esta jovem partiu com as bênçãos da família: “Que tu, nossa irmã, te tornes milhares de vezes dez mil, e que teu descendente tome posse do portão dos que o odeiam.” A ama e as criadas de companhia seguiram-na nos camelos. — Gên. 24:59-61.

Dias depois, numa tardinha fresca, Isaque notou a aproximação duma caravana de camelos. Ao mesmo tempo, Rebeca avistou-o. Desceu do camelo graciosa e prontamente. Quando se lhe disse quem era o homem, cobriu-se com um véu, demonstrando assim sujeição e respeito pelo noivo. Realmente, a moça que desejara seguir a orientação de Deus, de partir com um servo para um país desconhecido para encontrar-se com um noivo desconhecido, sem duvidar ou questionar, era mulher que merecia afeto. O relato bíblico diz: “Ele se enamorou dela, e Isaque encontrou consolo depois da perda de sua mãe.” — Gên 24:62-67.

Rebeca mostrou ser justamente a esposa que Isaque necessitava. O espírito animado, ardente, ativo e audaz dela tornou-o feliz novamente, à medida que ela preenchia apropriadamente o vazio que a morte da mãe deixara em sua vida. Muitos anos após o casamento, Isaque continuava a achar deleite em sua amada Rebeca. Teve medo de perdê-la. Quando a fome forçou-o a fixar residência entre os filisteus, refletiu na beleza de Rebeca. Isaque temia por sua vida, raciocinando que algum homem talvez quisesse matá-lo para obtê-la como esposa. Assim, num esforço de evitar isso, Isaque a fez passar por sua irmã. — Gên. 26:1-11.

III. REBECA COMO MÃE

Como Sara, Rebeca permaneceu estéril durante longo tempo. Isaque persistia em suplicar a Yehowah por ela. Por fim, 20 anos após o casamento, ela lhe deu à luz os gêmeos Esaú e Jacó. Antes de dar à luz, Rebeca sabia que teria gêmeos. Sua gravidez foi extremamente dolorosa. “Se é assim, por que é que estou viva?”, exclamou ela ao sentir os bebês lutarem dentro dela. Rebeca recebeu a promessa de Deus, de que dois grupos nacionais seriam separados das suas entranhas, de que um seria mais forte do que o outro e de que o mais velho serviria ao mais jovem. Ela não perdeu de vista esta promessa. — Gên. 25:21-23.

Depois que os dois meninos nasceram, Rebeca concentrou suas esperanças e seu afeto em Jacó, e, com o tempo, Esaú desprezou até mesmo seu direito de primogenitura. (Gên. 25:28-34) Passados alguns anos, chegou o dia em que Rebeca tomou medidas pessoais para agir em harmonia com a promessa profética de Yehowah. Ouvira seu idoso e cego marido, Isaque, chamar seu filho primogênito, Esaú. Isaque tinha a intenção de escolher e abençoar seu herdeiro antes de morrer. Antes de conceder a bênção, porém, Isaque mandou Esaú ir matar alguma caça e preparar-lhe um prato gostoso. — Gên. 27:1-4.

Sabendo que Esaú não era a escolha de Deus, Rebeca procurou garantir a desejada bênção a Jacó. Enquanto Esaú caçava, Rebeca deu instruções a Jacó quanto a como deveria agir para obter a bênção que de direito era sua. Jacó objetou, temendo que seu pai cego o identificaria por apalpar-lhe, e, então, pronunciaria uma maldição. Mas, Rebeca estava mais determinada do que nunca. “Venha sobre mim a invocação do mal dirigida contra ti, meu filho”, disse ela com segurança. “Apenas escuta a minha voz.” E Jacó ouviu. — Gên. 27:5-14.

Depois disso, Rebeca fez Jacó vestir roupas de Esaú, que cheiravam a floresta, a campos e a terra. Também, tirou a pele macia e sedosa de cabritinhos e colocou pedaços dela sobre as mãos e o pescoço lisos de Jacó, de modo que, às mãos de Isaque, pareceria como Esaú. Jacó, com o prato gostoso preparado por sua mãe, apresentou-se perante Isaque. O plano de Rebeca teve êxito. Jacó recebeu a bênção do seu pai, sendo nomeado herdeiro legítimo de Isaque e Abraão. — Gên. 27:15-29.

Mais tarde, quando Rebeca descobriu que Esaú planejava matar Jacó, adotou novamente uma atitude firme a favor de Jacó. Em resultado do incentivo dela, Isaque mandou Jacó à terra natal dela em busca duma esposa. Rebeca reconhecia a importância duma boa esposa para Jacó. O fato de Esaú ter tomado duas esposas dentre os detestáveis cananeus entristecera muito tanto a Isaque como a ela. — Gên. 26:34, 35; 27:41-46; 28:1-5.

Rebeca deve ter sentido muito a falta de Jacó após a sua partida. Talvez esperasse que ele pudesse voltar em breve. Mas, Jacó ficou fora durante 20 anos. Não há nenhum registro na Bíblia no que se refere a Rebeca rever seu filho amado. Caso não o tenha visto, imagine a alegria que Rebeca e Jacó sentirão ao se encontrarem novamente, quando forem levantados dentre os mortos. Quão emocionante será para Rebeca, quando souber do grande privilégio que teve, de ser um elo que conduziu ao prometido Messias, ou Cristo!

Realmente, a bela, atenta e decidida Rebeca, que obteve a atenção favorável de Yehowah, constitui bom exemplo para as moças solteiras, as esposas e as mães hodiernas. Sua fé foi deveras elogiável. 
(Yehowah é o Deus Todo-Poderoso, o Soberano Universal, o Criador. Como tal, seu nome e seus propósitos merecem ser magnificados. ...)
TEOLOGIA, BÍBLIA, ANTIGO E NOVO TESTAMENTO


 Se o amor for grande
A espera não será eterna,
Os problemas não serão dilemas,
E a distância será vencida.


Se a compreensão insistir,
As brigas fortalecerão-nos,
Os fatos farão-nos rir,
E os diálogos marcarão-nos.


Se o respeito prevalecer,
Os carinhos serão doces e suaves,
Os beijos profundos e cheios de valor,
E os abraços calorosos e confortantes.

Se a confiança existir,
A dúvida se extinguirá,
As perguntas serão respondidas,
E as palavras poderão ser ditas.


Talvez não seja um amor eterno.
E não é um amor doentio,
Nem um amor ideal.
Mas um amor verdadeiro.


Aquele que vence as barreiras
Impostas pela vida e pelas ocasiões.
Aquele que não teme a escolha,
E faz a opção de simplesmente
Ser intensamente vivido.


Myrian Sartori





 

AINDA HÁ ESPERANÇA!

Na cultura brasileira existe um dito popular, que diz que : "A esperança é a última que morre". Na verdade este dito contraria o princípio bíblico de I Coríntios 13:13, que nos diz que a esperança não morre, mas permanece para sempre.

É bem verdade que muitas vezes passamos por situações para as quais parece não haver mais esperança... situações onde nos encontramos num beco sem saída". Nessas horas de tribulação, de provação e até mesmo de angústia e desespero, as circunstâncias parecem ser maiores que nós, e sentimo-nos derrotados, fracassados, impotentes e sem esperança.
Foi assim com Jairo, quando recebeu a notícia de que era tarde demais, sua única filha havia morrido, e já não valia a pena Jesus ir até ela (Marcos 5:35). Foi assim com Marta, quando seu irmão Lázaro adoeceu e morreu quatro dias antes de Jesus chegar a Betânia (João 11:17). Foi assim com Jó, quando ele perdeu tudo o que tinha - bens, filhos e filhas, saúde, reputação (Jó 1 e 2) - numa sucessão de perdas quando até mesmo sua esposa e seus amigos se voltaram contra ele.

Mas até mesmo nessas situações tão extremas, a guerra não esta perdida. Talvez ao longo da nossa caminhada com Deus, nós percamos algumas batalhas, mas nunca a guerra! O nosso general é Cristo... é Ele quem peleja por nós e nos dá a vitória. Jesus Cristo - a esperança da glória! É n'Ele que devemos colocar a nossa esperança e a nossa fé! Assim como Jairo, Marta e Jó, devemos colocar nossa fé no Senhor e crer que nem tudo está perdido, e que apesar da adversidade das circunstâncias, "Ainda há esperança". "Porque há esperança para a árvore, pois mesmo cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus rebentos. Se envelhecer na terra a sua raiz, e no chão morrer o seu tronco, ao cheiro das águas brotará, e dará ramos como planta nova" (Jó 14: 7 - 9). Sim, devemos crer que ao cheiro das águas, viverá e dará frutos! Uma pequena fé num Deus Grande... firmados na promessa de que "seremos como árvore plantada junto a corrente de águas que, no devido tempo dá o seu fruto, cuja folhagem não murcha, e tudo quanto fizermos será bem sucedido" (Salmo 1:3).

O Senhor está no controle. Ele tem um plano, e assim como Ele disse a Jairo, hoje Ele diz a você e a mim: "Não tenhas medo, confia em mim". Crer e confiar. E Jesus ordenou à filha de Jairo que se levantasse, e a menina logo saltou e começou a andar. "Ainda há esperança!" Marta sabia disso quando disse: "Senhor, se cá estivesses, o meu irmão não teria morrido. "Mas eu sei que mesmo agora não é tarde demais, pois tudo o que pedirdes a Deus, Ele te dará" (João 11:20).

Há um propósito para todas as coisas, inclusive para as nossas provações. Portanto, "Aquietai-vos e sabeis que Eu sou Deus" (Salmo 46:10). O Senhor quer reverter as adversidades em bênçãos, para nós e para outros. Quando Jesus soube que Lázaro havia adoecido, Ele disse que sua doença não era para morte, mas para a glória de Deus.
Que Ele, o Filho de Deus, receberia glória em resultado daquela enfermidade. Jesus ressuscitou Lázaro e muitos judeus que presenciaram este milagre creram n'Ele. Da mesma forma, hoje o Senhor nos convida a declarar que a adversidade pela qual estamos passando, não é para a morte, mas para a Glória de Deus! Quando Jó analisa sua vida, ele conclui que tudo o que aconteceu com ele contribuiu para que ele tivesse uma maior intimidade com Deus: antes "eu te conhecia só de ouvir, mas agora os meus olhos te vêem" (Jó 42:5). E o Senhor restaurou a sorte de Jó e deu-lhe o dobro de tudo o que ele possuía. Portanto, não se dê por vencido, "ainda há esperança"... logo você entenderá o propósito de Deus para esta hora.



Para Meditação:

"Agora pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor". I Cor. 13:13
(estudos bíblicos)
Clique Aqui e veja mais imagens