A Morte

Quem gosta de falar em morte? Creio que ninguém em sã consciência. Talvez por medo, talvez por receio do desconhecido ou quem sabe por amar a vida, mas, mesmo para os salvos, também é doloroso falar sobre ela

Enquanto caminhava por um cemitério, um rapaz se deteve para ler uma inscrição sobre a lápide de uma sepultura. Ficou intrigado ao ler o epitáfio seguinte:
"Detém-te, amigo, ao por aqui passares: Qual és agora eu fui também um dia; Serás em pouco o mesmo que ora sou. Prepara-te p'ra vir fazer-me companhia."
O rapaz ficou ali, pensativo. Então, tomando um lápis, rabiscou na lápide o seguinte:
"Fazer-te companhia não me agrada, Enquanto não souber tua morada."
Podem estas palavras ser um tanto prosaicas, mas é profundo o pensamento que encerram.
Toda pessoa deve interessar-se no que lhe há de acontecer por ocasião da morte. Deve saber justamente para onde vai quando o último suspiro abandonar seu corpo, pois todo vivente defronta o mistério da morte, mais cedo ou mais tarde.
A Bíblia descreve a morte como um inimigo da humanidade. Deus nos conta que o último dos nossos inimigos a ser derrotado é a morte. A Bíblia ensina que a morte entrou no mundo por causa da desobediência de Adão e Eva. Em Romanos 5:12 escreve S. Paulo: "Portanto, assim como por um só homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porque todos pecaram." Deus tomara providências para que o homem comesse da árvore da vida e vivesse para sempre. Quando o homem desobedeceu a Deus, foi privado deste privilégio. Gênesis 3:22 e 23.
Desde que houve a primeira morte, Satanás tem trabalhado àrduamente para confundir o espírito humano, a fim de que não compreendesse o plano da salvação e sua relação com a morte. A Bíblia ensina de modo simples o que Deus deseja que saibamos acerca da morte e seu remédio. Compreendendo o plano de Deus em relação à morte e à ressurreição, o aguilhão da morte será removido.
Ponhamos de parte todas as teorias preconcebidas e deixemos que Deus nos guie agora, ao estudarmos, no Seu Livro, Seus ensinos acerca da morte. 

Nascemos, vivemos e morremos. E daí? Esta pergunta tem desafiado a humanidade através da História do Mundo. Nosso entendimento do que acontece após a morte influenciará muito a maneira pela qual vivemos. Para aqueles que procuram agradar a Deus, é importante saber o que ele revelou sobre este assunto. Só por um estudo da Bíblia podemos evitar os perigosos erros da sabedoria humana.
O que é a morte? O que acontecerá depois que eu morrer? A Bíblia responde a essas perguntas.

O que é a morte?

A morte é uma separação. Podemos entender este fato claramente, considerando como a Bíblia descreve a morte espiritual. Comecemos no livro de Gênesis, onde encontramos pela primeira vez o conceito de morte.
Quando Deus disse a Adão que não comesse da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele revelou que a conseqüência da desobediência seria a morte no mesmo dia do pecado (Gênesis 2:17). Com certeza, Deus cumpriu sua promessa sobre a conseqüência do pecado, porque ele sempre fala a verdade e nunca quebra uma promessa. Por causa do pecado do casal original, Deus expulsou-os do Jardim do Éden (Gênesis 3:23-24). Mesmo tendo Adão vivido, em seu corpo físico, por 930 anos, ele e sua esposa morreram no dia de seu pecado, no sentido de que eles foram separados de Deus. A morte espiritual é a separação de Deus.
O caso de Adão e Eva nos ajuda a entender que é possível estar fisicamente vivo, enquanto morto espiritualmente (veja Efésios 2:1-6, por exemplo). A razão para esta morte espiritual esta separação de Deus é sempre a mesma. Separamo-nos de Deus pelo nosso próprio pecado (Isaías 59:1-2).
A morte física também é uma separação. Quando o corpo está separado do espírito, ele está morto (Tiago 2:26). Eclesiastes 12:7 nos diz que isto é o que acontece no fim da vida física: "O pó volte à terra, como o era, e o espírito volte a Deus, que o deu".
Assunto: A morte dos justos e injustos.
2 Coríntios- 5: 1,2 – PORQUE sabemos que, se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos de Deus um edifício, uma casa não feita por mãos, eterna, nos céus. E por isso também gememos, desejando ser revestidos da nossa habitação, que é do céu;
Porque sabemos que, se nossa casa se desfizer, for queimada, apedrejada, serrada aos pedaços, apodrecida pela doença e desfigurada… Paulo usa essa expressão condicional: nossa casa terrestre se desfizer, tornar-se pó, morrer. Porque sabia que Cristo o faria ressuscitar, porque não experimentaria a morte, pelo contrário, seu corpo seria transformado.
A morte ou a transformação existe para todos os seres humanos, todos irão ressuscitar após a morte, para a vida com Deus ou para eterno sofrimento.
Jesus mesmo declara que não sabemos nem o dia e nem a hora, mas todos os justos serão transformados.( Mateus-24:36)
1Coríntio- 15:52 – Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.
A morte ou a transformação existe para os homens e mulheres de Deus hoje. Alegrem-se, regozijem-se na tribulação. Portanto, sempre estejamos motivados para uma vida de santidade. (Mateus- 24:42). Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor.
1João-3:2,3 – Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos. E qualquer que nele tem esta esperança purifica-se a si mesmo, como também ele é puro.
A expressão “casa terrestre”- refere-se ao corpo terreno ou à sua vida terrena.
Lembremo-nos que Deus é espírito. E precisou de um corpo para realizar sua obra redentora na terra. E Jesus deixou o exemplo para os seus discípulos fazerem as mesmas obras até sua volta, prometendo vir buscá-los para ficarem com Ele eternamente.
Temos de Deus um edifício, uma casa ou corpo . Jesus disse: Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. (João-14: 2,3)
Isto provavelmente estava animando os discípulos quanto a morte física, do tempo terreno, passageiro, temporário e que Jesus estava preparando uma  morada eterna e voltaria para buscá-los, para estar juntamente com Ele.
Alguns entendem que esse trecho é um ensinamento difícil de se compreender , que, os fiéis depois da morte, enquanto  aguardam a ressurreição, existem como espíritos desencarnados, como sombra sem corpo.
Notamos, no  entanto, que Moises e Elias, no monte da transfiguração, aparecem de corpo espiritual resplandecentes..
Apocalipse- 6:11- E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que haviam de ser mortos como eles foram (Ap.7:9) em corpos celestiais para morar nos céu com o Senhor. A morte dos justos leva-os imediatamente à presença de Cristo.
1Coríntio- 13:12- Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
Enigma: Adivinhação, que só pode ser decifrada com muito esforço. (Juízes-  14:12). Jesus falava por meio de “Parábolas”,  segredo de Deus, encoberto, e, que somente o Espírito Santo revelará aos fiéis.
João- 16:25 – Disse-vos isto por parábolas; chega, porém, a hora em que não vos falarei mais por parábolas, mas abertamente vos falarei acerca do Pai.
Logo, a morte é lucro. (Filipenses- 1: 21,22) – Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. Mas, se o viver na carne me der fruto da minha obra, não sei então o que deva escolher. Agora  a obra do Espírito Santo é transmitir aos fiéis a presença de Deus nesta vida terrena pela fé em Jesus Cristo.
Por isso, testemunhe Jesus Cristo, enquanto viver neste corpo físico, sorrindo ou chorando, glorifique o Seu Nome em toda sua vida.
  O que acontecerá após a minha morte?
É claro que o espírito voltará a Deus, mas o que ele fará com meu espírito? Mesmo que a Bíblia possa não satisfazer toda a nossa curiosidade sobre o que acontece depois da morte, ela é clara ao apresentar diversos fatos vitais:
- Deus confortará o fiel e mandará o ímpio para um lugar de tormento (Lucas 16:25).
- Deus julgará cada pessoa (Hebreus 9:27). Este julgamento será de acordo com a palavra que Deus revelou através de Seu Filho (João 12:48). Ele julgará as coisas que fizemos em corpo (2 Coríntios 5:10). Passagens como Mateus 25:31-46 e 2 Tessalonicenses 1:7-12 mostram claramente que haverá uma eterna separação (morte espiritual) entre os justos (obedientes) e os injustos (desobedientes).
Podemos concluir, então, que a morte eterna não é o fim da existência, mas uma eterna separação de Deus. É óbvio no caso do homem rico porém desobediente em Lucas 16 que uma pessoa ainda será consciente, mas que o injusto nunca pode atravessar a separação para estar na presença de Deus.
 
 

7 comentários:

Natural.Origin disse...

Paz...

:)

Ricardo Calmon disse...

NESSE MOMENTO DIFÍCIL,ONDE ME VI IMPEDIDO DE ANDAR,ME PREPARANDO PARA ETAPAS CIRURGICAS DE ALTA COMPLEXIDADE,ME FIZESTE CHORAR,MAS....TODAS ELAS,AS LÁGRIMAS DOCES ERAM,ASSIM COMO ME SENTI DE PÉ,COMO SE FOSSE.

SNIF OBRIGADO POR TUAS BENÇÃOS AMADA MADRINHA E AMIGA PESSOA MINHA

VIVER É SIM,PURA MAGIA

HUGS AND SMACKS

VIVA LA VIDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

evanirgarcia disse...

Estou muito feliz em encontrar em terras tão distantes o premio saido do meu blog..www.meudeusetudo.zip.net
Jesus é o Caminho.
Hoje esse premio ñ esta no meu blog pois ainda ñ foi colocdo na sala.
Estou seguindo seu blog que me deixou muito feliz em conhecer e ler a pessoa linda que vc é.
Um beijo carinhoso,Evanir
www.meudeusetudo.zip.net.

O Profeta disse...

...Quem sou
Nunca me encontrei na letra de uma canção
Nunca toquei duas notas seguidas em harmonia
Mas perdi-me às vezes na ilusão

Reencontrei-me com o amor
Amargura mora sempre com a razão
Um mágico nem sempre acerta
No seu golpe de mão

Mas fiz mil tentativas nesta viola
Nenhuma nota bateu-me certa
Sou um triste e patético tocador
Desta...Melodia Incompleta...

Doce beijo

Daniel Savio disse...

Deus é fonte da vida, nada mais justo ele reviver aqueles que seguiram os seus ensinamentos...

Fique com Deus, menina Valquiria.
Um abraço.

Liza Leal disse...

Oi Valquíria!
Grata pela visita.

Um lindo Natal pra vc e os seus!

bj
.
LiZza

Liza Leal disse...

Oi Valquíria!
Grata pela visita.

Um lindo Natal pra vc e os seus!

bj
.
LiZza